• Facebook - Black Circle

Acompanhe nossas redes sociais

SHOW-DOCUMENTO #ComproVendoTrocoAmor

O ator, performer, dramaturgo e diretor teatral Luiz Antônio Sena Jr leva a público suas histórias de amor através do projeto #ComproVendoTrocoAmor, show-documento que ocupará três espaços alternativos da cena teatral baiana: Casa d’A Outra (29 de novembro), Casa Evoé (30 de novembro) e Casa Charriot (01 de dezembro). Um grande compartilhamento de vida em cartas, músicas, imagens fotográficas e audiovisuais, textos e cenas interativas. 
É uma experiência de estar na sala de casa, para que o público possa também compartilhar e rememorar suas histórias. É um grande documentário de amor a partir daqueles que protagonizaram narrativas na vida deste artista, desde ex-namorados, paqueras e “crushs”, até amigos e familiares. Um encontro com várias pessoas que passaram por seus 34 anos. 
Sob as luzes, essas histórias são atravessadas por canções e questionamentos evocados por fragmentos pessoais escritos em cartas, mensagens de whatsapp e encontros de corpos e afetos transitando entre músicas autorais e composições da música popular brasileira que evidenciam o amor. Nomes como Gal Costa, Milton Nascimento, Djavan e Alcione, assim como vozes da cena mais contemporânea (Silva, Mahmundi, Lagum e 5 a seco, entre outros) são revisitados.
Acompanhado dos músicos Anderson Danttas, Filipe Mimoso e Roquildes Júnior, Luiz Antônio transforma o show em um levante em que se busca o direito de existir, de amar e de viver uma relação como qualquer cidadão. “O projeto todo vem pra falarmos de amor e morte, de como essas duas pontas se encontram resultando em atos odiosos, calcados de violência. Queremos validar a homoafetividade, o amor entre pessoas do mesmo sexo”.
O show, que tem provocação cênica do iluminador e diretor teatral Marcus Lobo, busca evidenciar aquilo o que é amor na concepção dele e o que tange as relações homoafetivas.

 Apesar do show ter uma dramaturgia baseada em suas histórias, Luiz Antônio Sena Jr. se baseia na poética do teatro documentário, em que se fricciona realidade e ficção, para torná-lo mais coletivo. Um dos objetivos é proporcionar ao público espaços em que se possa enxergar o amor acima das diversas diferenças de gênero e orientação sexual.
“Como eu acabo sendo um documento do mundo sob a ótica do amor? A ideia é que as pessoas cheguem e vejam alguém que partilha suas narrativas para que juntos possamos acreditar na possibilidade de amar e ser feliz, de construir um território para todo e qualquer cidadão que queira amar”, ressalta o ator.
Para montar o show #ComproVendoTrocoAMOR Luiz Antônio passou por um processo de investigação de suas histórias - lugares de derrapagem, de apaixonamento, de humor pleno, fim de relação, tristeza e perda. “Perpasso por esses meus caminhos com o objetivo de mostrar a capacidade de se reconfigurar o amor em algo bonito e não em dores”, especifica o performer.

É SÓ AMOR


#ComproVendoTrocoAmor é a segunda de três etapas do projeto É SÓ AMOR³, contemplado pelo edital Arte Todo Dia - Ano IV, Bairro a Bairro, da Fundação Gregório de Mattos - Prefeitura de Salvador. Todo o projeto é baseado na arte documental e é atravessada por diversas linguagens artísticas. 
A primeira etapa foi a exposição urbana É SÓ AMOR, resultado de um intercâmbio entre as artes visuais e o teatro, com fotos que sugerem atos afetivos protagonizados por dois homens expostas na Avenida Carlos Gomes, no Politeama e no Garcia. Vale lembrar que, um dia após a colagem dos lambes, a exposição foi atingida por atos de vandalismo homofóbico. 
A segunda fase, pois, é o show #ComproVendoTrocoAMOR, momento em que o artista interage com a música. “Desde 2009, A Outra Companhia de Teatro, grupo que integro, desenvolve uma pesquisa que compreende que a música, assim como o teatro, cria narrativas”, realça.
Por fim, o ato performático TOMATEAMO – terceira etapa do É SÓ AMOR³ - cruza teatro, dança e performance, sob a provocação do ator, bailarino e transformista baiano, Anderson Danttas que é integrante d’A Outra Companhia.

 

Serviço:

Show-documento #ComproVendoTrocoAMOR
Local: Casa d’A Outra

Quando: 29/11
Às 20h
Pague quanto quiser 


O AVÔ E O RIO

Baseado no conto O Avô e o Rio, do escritor baiano Aleilton Fonseca, A Outra Companhia se prepara para a estreia, em dezembro, do seu mais novo espetáculo também intitulado O Avô e o Rio, primeiro solo do ator Israel Barreto.
Com direção e adaptação dramatúrgica de Roquildes Junior, o espetáculo versa sobre a relação de um neto com seu avô e o rio que margeia a casa onde vivem. Como o movimento das marés o narrador conta causos da sua infância e mergulha fundo nas questões e entranhas da sua biografia, desvenda mistérios sobre sua própria história, e acompanha a batalha diária do seu avô numa busca para aterrar o rio. 
A montagem tem a direção musical assinada por Roberto Cândido e é ambientada em canções com ambiente ribeirinho transportando o espectador para um universo interiorano. A visualidade concebida por Luiz Buranga e também constrói um ambiente ribeirinho e cheio de metáforas. Com estreia prevista para dezembro, a peça realiza dentro do Circuito CASAS seu primeiro ensaio aberto no próximo dia 30 de novembro, às 17 horas, na Casa da Outra.  

 

Serviço:

Espetáculo: O Avô e o Rio 
Local: Casa d’A Outra

Quando: 30/11
Às 17h 
Gratuito